The progression toward smart cities 3.0 is ‘an evolution, not a revolution’

Smart cities 1.0 was born when municipalities started tackling tech problems, which led to the 2.0-era of holistic solutions. What comes next? 

By Jackie Snow,  at SmartCitiesDive: 

http://www.smartcitiesdive.com/news/the-progression-toward-smart-cities-30-is-an-evolution-not-a-revolution/447021/

Anúncios

Sobre Antonio Carlos Teixeira

Executivo de Comunicação I Assessor Estratégico I Sustentabilidade/Baixo Carbono I Editor I Editor do blog TerraGaia //// Executive of Communication I Strategic Advisor I Sustainability/Low Carbon I Editor I TerraGaia blog Editor.
Esse post foi publicado em Cidadania e Sustentabilidade, Cidades Sustentáveis, Comunicação Ambiental, Consciência ambiental, Consumo, Corporate Responsibility, Corporate Sustainability, Desenvolvimento sustentável, economia de baixo carbono, Economia Verde-Green Economy, Energias Renovables, Energias renováveis, Environmental Awareness, Environmental journalism, Environmental researchs, Environmental Technology, experiências de projetos ambientais em cidades do Brasil, Governança, low carbon economy, Renewable Energy, Sustainability, Sustainable Cities, Sustentabilidade, Tecnologia ambiental, transição para uma economia de baixo carbono, Transição para uma Sociedade de Baixo Carbono, Transition to a low carbon society, Transition to Low Carbon Economy e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s