Copa do Mundo FIFA Brasil 2014: resíduos do Itaquerão devem duplicar com a Copa, estima Cata Sampa

Por Camila Maciel – Repórter da Agência Brasil – Edição: Stênio Ribeiro

A Rede Cata Sampa, grupo de cooperativas responsável pela coleta de material reciclável na Arena Corinthians (Itaquerão), espera quase duplicar a arrecadação de resíduos durante a Copa do Mundo. De acordo com Roberto Rocha, coordenador do Movimento Nacional de Catadores de Material Reciclável, o volume mensal que chega diretamente ao galpão da rede fica em torno de 50 toneladas. “Acredito que até o final [dos jogos], com esse pico que estamos tendo, devem chegar quase 100 toneladas”, estimou. O cálculo exclui o material que chega já separado pelas cooperativas. Ele avalia que esse incremento deve aumentar de 5% a 10% o faturamento de cada uma das 20 cooperativas que compõem o grupo.

Desde o início do mês, quando começou a funcionar o trabalho em parceria com a Federação Internacional de Futebol (Fifa), as cooperativas arrecadaram 20 toneladas de resíduos. “Nos dias de jogos, conseguimos de cinco a seis toneladas”, relatou. Segundo Rocha, os materiais mais comuns que chegam dos estádios são latinhas de alumínio e papelão. “A maior parte é latinha. Esse é um dos materiais com maior valor agregado, e a gente consegue ter um bom retorno”, explicou. A cada partida, trabalham em torno de 50 catadores. Nos dias normais atuam de 15 a 20 recicladores.

Além da venda do material coletado, cada catador recebe uma diária de R$ 80. “Eles também recebem alimentação e transporte”, informou Rocha. O custo operacional também fica a cargo da Rede Cata Sampa, por meio do contrato firmado com a Coca-Cola, empresa responsável pela gestão dos resíduos nos estádios da Copa do Mundo. Um caminhão com motorista, por exemplo, tem diária de R$ 500, segundo o coordenador. “O volume arrecadado agrega ao processo, mas o trabalho em si já é remunerado”, explicou.

O coordenador acredita que a parceria está sendo importante para profissionalizar ainda mais o trabalho dos catadores. “Pela primeira vez, estamos com uma parceria deste tamanho, que é a Copa do Mundo. Isso é um espelho para o mundo”, apontou. Rocha relatou que eles estão, inclusive, recebendo visita de delegações estrangeiras. “Isso repercutiu em outros países”, declarou. Ele destaca que o grupo de catadores foi treinado também para fazer um trabalho de educação ambiental. “Não temos o idioma, se tivéssemos seria ainda melhor, mas na medida que conseguimos, orientamos as pessoas. Isso garante que venha um material já separado”, acredita.

Rocha explica que o trabalho da Rede Cata Sampa, que reúne atualmente 540 catadores no estado paulista, ajudaa  fechar parcerias com grandes empresas, a exemplo do que ocorreu no Mundial. “Temos um galpão em Jundiapeba [distrito de Mogi das Cruzes, a 60 quilômetros da capital] e de lá esse material vai direto para as indústrias” apontou. Ele destaca que isso ajuda a comercializar o que é produzido por cada cooperativa. “Juntos, a gente consegue volume, qualidade e atingir grandes mercados”, apontou.

Anúncios

Sobre Antonio Carlos Teixeira

Executivo de Comunicação I Assessor Estratégico I Sustentabilidade/Baixo Carbono I Editor I Editor do blog TerraGaia //// Executive of Communication I Strategic Advisor I Sustainability/Low Carbon I Editor I TerraGaia blog Editor.
Esse post foi publicado em Comunidades, Consciência ambiental, Conservação, Consumo, Descarte de resíduos, Desenvolvimento, Desenvolvimento sustentável, Educação ambiental, Empresas, Impactos ambientais, Jornalismo Ambiental, Resíduos Sólidos Urbanos, Responsabilidade socioambiental, Sustentabilidade e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s