Imazon: desmatamento na Amazônia Legal cai 58% em fevereiro

Desflorestamento liberou 990 mil de toneladas de CO2. No acumulado do período, emissões aumentaram 73%  

O Boletim do Desmatamento (Sistema de Alerta de Desmatamento – SAD), liberado hoje pelo Imazon, aponta que em fevereiro de 2013 foram detectados 45 quilômetros quadrados de desmatamento na Amazônia Legal. Isso representou uma redução de 58% em relação a fevereiro de 2012 quando o desmatamento somou 107 quilômetros quadrados e a cobertura de nuvens foi de 76%. Entretanto, o Imazon ressalta que durante a detecção 72% da área florestal da Amazônia Legal estava coberta por nuvens, em especial nos estados do Amapá e Roraima que apresentaram 91% e 90% de cobertura de nuvens, respectivamente. “Isso comprometeu a detecção do desmatamento e da degradação florestal para esse mês através das imagens MODIS utilizadas pelo SAD”, diz o boletim do instituto.

O desmatamento acumulado no período de agosto de 2012 a fevereiro de 2013 totalizou 1.351 quilômetros quadrados. Houve aumento de 91% em relação ao período anterior (agosto de 2011 a fevereiro de 2012) quando o desmatamento somou 708 quilômetros quadrados. Em fevereiro de 2013, grande maioria (78%) do desmatamento ocorreu no Mato Grosso, seguido pelo Pará (9%), Tocantins (7%), Rondônia (4%) e Amazonas (2%).

As florestas degradadas na Amazônia Legal somaram 50 quilômetros quadrados em fevereiro de 2013. Em relação a fevereiro de 2012, quando a degradação florestal somou 95 quilômetros quadrados, houve uma redução de 47%. A degradação florestal acumulada no período (agosto 2012 a fevereiro 2013) atingiu 1.091 quilômetros quadrados. Em relação ao período anterior (agosto de 2011 a fevereiro de 2012), quando a degradação somou 1433 quilômetros quadrados, houve redução de 29%.

Em fevereiro de 2013, o desmatamento detectado pelo SAD comprometeu 990 mil de toneladas de CO2 equivalente. No acumulado do período (agosto 2012 a fevereiro de 2013) as emissões de CO2 equivalentes comprometidas com o desmatamento totalizaram 74,5 milhões de toneladas, o que representa um aumento de 73% em relação ao período anterior (agosto de 2011 a fevereiro de 2012).

Anúncios

Sobre Antonio Carlos Teixeira

Executivo de Comunicação I Assessor Estratégico I Sustentabilidade/Baixo Carbono I Editor I Editor do blog TerraGaia //// Executive of Communication I Strategic Advisor I Sustainability/Low Carbon I Editor I TerraGaia blog Editor.
Esse post foi publicado em Aquecimento global, Carbono, Clima, Desmatamento e degradação, desmatamento na Amazônia brasileira, Florestas, florestas degradadas no Brasil, Gases do Efeito Estufa, Imazon, Impactos ambientais, Sistema de Alerta de Desmatamento SAD e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s